Ração para cão de pequeno porte – Como escolher?

Na hora de escolher a ração para cão de pequeno porte a serem utilizadas na alimentação do seu pequeno pet é preciso levar em consideração algumas coisas que são essenciais, visando sempre a manutenção da saúde do seu cãozinho e ainda a qualidade na alimentação.

Caso você não saiba como montar direito a alimentação do seu pet, pode acabar prejudicando no desenvolvimento corporal do seu cãozinho e incentivar no corpo dele o surgimento de algum tipo de doença que possa prejudicar até mesmo nos anos de vida do seu animal de estimação.

Quem cuida de pet sabe o carinho e o amor que se sente por esses pequenos, fazendo com que ele se então e realmente sejam parte da família, por isso, aprenda hoje mesmo a cuidar da alimentação do seu cão de pequeno porte e saiba quais são os elementos que não podem faltar na ração dele.

Quer aprender de uma vez por todas como escolher uma ração para o seu cão de pequeno porte? Se sim, está no post certo. Vamos lá!

Conheça as necessidades específicas do seu pet

Conheça as necessidades específicas do seu pet

Um dos primeiros aspectos que você deve levar em consideração antes de realizar a compra da ração do seu pet é conhecer as necessidades específicas que ele tem, início queremos dizer como se comporta o organismo do seu cãozinho.

Neste tópico você consegue perceber o quanto é importante realizar exames de rotina do seu cãozinho junto ao veterinário, verificando assim se ele tem algum tipo de necessidade especial por substância energética ou ainda intolerância a algum tipo de elemento que possa vir na composição de rações, como proteínas do leite, por exemplo, sendo algo bem comum.

Caso você diz conheça o funcionamento do organismo do seu pet de para ele algum tipo de ração que o corpo dele tem tolerância ao consumo, ele pode acabar sentindo fortes dores no estômago, e chegar em casos mais extremos de perseverança naquele tipo de alimentação na geração de alguma doença.

Por isso, primeiramente, leva o seu pet ao veterinário vivo realiza os exames necessários de rotina e conheça o seu corpo, caso ele apresente alguns nessa cidade especial leves em consideração na hora de comprar ração do seu cão de pequeno porte.

Leve em consideração a idade do seu pet

Outro elemento que você deve levar em consideração é a idade do seu pet, independentemente de qual seja o porte dele, uma vez que cães pequenos conseguem viver até mais do que os cães de grande porte.

Os cães filhotes de até humano precisam de bastante proteína na sua alimentação, por isso procure por razões que tenham uma boa quantidade de proteína, de acordo ainda com o porte do cãozinho. Com a chegada na fase adulta o seu cãozinho deve ter na alimentação variada os nutrientes e pode também ter uma grande variedade de sabores na alimentação.

Já para os cachorrinhos em idade mais avançada, na fase sênior, que para os cães de pequeno porte chega entre os 9 a 10 anos de idade, é necessário inserir na alimentação uma ração que seja de fácil mastigação e que traga em sua composição uma menor quantidade de proteína e sódio, e ainda substâncias em maior quantidade que possam favorecer a saúde óssea do cãozinho.

A ração ideal para cães de pequeno porte

Os cães de pequeno porte, que tem cerca de 1 a 10 kg, devem ter um tipo de alimentação especial, que também varia entre os cães de médio e grande porte. Por isso, não é qualquer ração que você deve dar para o seu cãozinho, leva em consideração além do porte ainda a raça e a idade.

A expectativa de vida desses cães é bem maior em relação aos dos outros cães de porte médio e grande, e eles estão sempre precisando de muita energia, uma vez que são bem agitados, precisando assim que em suas relações tenham uma maior carga energética em uma dieta balanceada.

Uma dica especial seria entrar em contato com veterinário que acompanha o seu cãozinho, enviar o rótulo da ração e pergunta a ele se pode seria aquela ração na alimentação seu cãozinho, servindo para cães de qualquer porte essa dica, mas sempre procurando por rações com maior carga energética e que tenham a presença de substâncias antioxidantes.

Ah! E se seu cachorro estiver fazendo travessuras leia aqui como fazer seu adestramento em casa.

Gostou? Comente e compartilhe com os amigos

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp